barra contato 003

Histórico

O Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (IUPERJ) foi criado no ano de 1969, no auge do autoritarismo da Ditadura Militar. Logo de início, constituiu-se em um refúgio para intelectuais comprometidos com a democracia brasileira, não apenas no sentido de resistência aos arbítrios ditatoriais, mas também como espaço de reflexão sobre como construir em nosso país uma democracia consolidada e substantiva.

O IUPERJ consolidou-se a partir de meados da década de 1970 como uma instituição de ponta na pesquisa e no ensino de Ciências Sociais no âmbito da pós-graduação no Brasil. Em 1980, foram implantados os programas de doutoramento em Ciência Política e em Sociologia. Ao longo dos últimos dez anos, o Instituto tem admitido anualmente entre 15 e 20 estudantes em seus programas de mestrado e aproximadamente 30 estudantes em seus programas de doutorado. Dos quase 700 alunos admitidos até hoje, 365 já completaram o mestrado e 154 defenderam teses de doutorado. Ao longo de sua história, o IUPERJ, formou mais de 500 mestres e doutores em Ciências Sociais no Brasil.

Em 22 de junho de 2010, após uma crise institucional, os vinte professores do IUPERJ demitiram-se e, após negociação com o Governo do Estado, migraram, em sua maioria, para a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Em outubro daquele ano, a UERJ abriu Edital de Transferência Externa para provimento de 140 vagas em seus recém-criados cursos de mestrado e doutorado em Ciência Política e em Sociologia, importando a transferência de todos os alunos do IUPERJ para a UERJ.

Em 1 de setembro de 2010, o Reitor da UCAM, Prof. Candido Mendes de Almeida, convidou o Prof. Dr. Geraldo Tadeu Moreira Monteiro para assumir a Direção Executiva do IUPERJ com a missão de implementar uma reestruturação do Instituto preservando suas principais conquistas acadêmicas e procurando, também, criar as condições para a retomada das atividades acadêmicas do IUPERJ. Em dezembro de 2011, foi constituído um novo corpo docente para os dois programas de pós-graduação e, em fevereiro de 2012, lançado o Edital para novas turmas de Mestrado e Doutorado.

Desde abril de 2011, foram realizados novos concursos de seleção para as turmas de Mestrado e Doutorado em Ciência Política e Relações Internacionais e de Mestrado e Doutorado em Sociologia, tendo sido selecionados, entre aquele mês e maio de 2013, 122 novos alunos para os dois programas de pós-graduação.

Em abril de 2012, o IUPERJ incorporou o Instituto de Humanidades da UCAM, tornando-se uma nova unidade de ensino e pesquisa, com a marca da excelência acadêmica. Os 650 alunos dos cinco cursos de graduação passaram a ser alunos do IUPERJ e tiveram seus cursos remodelados, com base na prática das melhores universidades do mundo. Graças a um corpo docente altamente qualificado, composto de em 85% de mestres e doutores o IUPERJ pode dispensar aos seus alunos um ensino de qualidade, uma importante infraestrutura de pesquisa, além de duas bibliotecas, que somam mais de 50 mil volumes especializados na área das humanidades.
Topo